Coronavírus

Câmara aprova projeto que autoriza telemedicina durante pandemia de coronavírus

26 de Março de 2020 às 07h33 - Por: Agência Câmara Foto: Michel Jesus | Câmara dos Deputados
[Câmara aprova projeto que autoriza telemedicina durante pandemia de coronavírus ]

Plenário da Câmara realizou sessão com votação virtual

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (25), o Projeto de Lei 696/20, que libera o uso de telemedicina, em caráter emergencial, enquanto durar a crise ocasionada pelo coronavírus (Covid-19). A proposta foi aprovada pelo Sistema de Deliberação Remota e segue para o Senado Federal.

A telemedicina será autorizada para quaisquer atividades da área da saúde. O uso de tecnologias de informação e de comunicação, como videoconferências, poderá ser destinado à oferta de serviços ligados à saúde.

O texto é da deputada Adriana Ventura (Novo-SP), com o apoio de vários parlamentares que fazem parte da comissão externa que acompanha as ações de enfrentamento à pandemia de coronavírus.

O projeto foi aprovado com mudanças do relator, deputado Dr. Frederico (Patriota-MG). Ele determinou que o médico informe ao paciente todas as limitações da telemedicina e que o paciente pague pelas consultas particulares.

O poder público ficará responsável pelo custeio de atividades realizadas exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS). As alterações foram negociadas com os líderes partidários.

Dr. Frederico disse que a ferramenta virtual será fundamental durante a crise. "A telemedicina é essencial na luta contra o coronavírus. Os médicos poderão atender à distância, segundo suas especialidades e dentro dos seus limites éticos", afirmou.

A proposta aprovada também permite a ampliação da telemedicina para além do período de crise causada pelo coronavírus. Pela proposta, competirá ao Conselho Federal de Medicina (CFM) a regulamentação da telemedicina após o período de emergência em saúde relacionado ao Covid-19.

Ministério da Saúde e conselhos federais
Entidades profissionais, como o Conselho Federal de Medicina e o Conselho Federal de Psicologia, já liberaram a prática em meio à crise do coronavírus.

O Ministério da Saúde também regulamentou a prática apenas para os médicos por meio da Portaria 467/20. A portaria autoriza a telemedicina durante a emergência em saúde causada pelo coronavírus e pode contemplar atendimento pré-clínico; suporte assistencial; consultas de monitoramento e diagnóstico na rede pública e privada.

Comentários

Outras Notícias

[Bahia registra 2.965 casos novos de Covid-19 e 45 óbitos em 24 horas]
Coronavírus

Bahia registra 2.965 casos novos de Covid-19 e 45 óbitos em 24 horas

03 de Julho de 2020

Desde o início da pandemia, quase 55 mil pacientes se recuperaram da doença

[Consórcio do Nordeste sugere lockdown em Salvador e outros três municípios baianos; Neto discorda]
Coronavírus

Consórcio do Nordeste sugere lockdown em Salvador e outros três municípios baianos; Neto discorda

03 de Julho de 2020

Prefeito afirmou que decisões da prefeitura se baseiam em parâmetros técnicos

[Elinaldo diz que fechamento do comércio em Camaçari até dia 16 foi em comum acordo e defende protocolo único contra Covid-19]
Coronavírus

Elinaldo diz que fechamento do comércio em Camaçari até dia 16 foi em comum acordo e defende protocolo único contra Covid-19

03 de Julho de 2020

Prefeito falou da importância da união entre o governo e os municípios

[Vídeos: bares do Rio de Janeiro lotam em primeiro dia de reabertura e são alvos de críticas]
Coronavírus

Vídeos: bares do Rio de Janeiro lotam em primeiro dia de reabertura e são alvos de críticas

03 de Julho de 2020

Moradora flagrou aglomerações: “Surrealidade”

[Bolsonaro sanciona lei que torna obrigatório o uso de máscara]
Coronavírus

Bolsonaro sanciona lei que torna obrigatório o uso de máscara

03 de Julho de 2020

Medida foi publicada hoje no Diário Oficial da União

[Transporte é suspenso mais quatro cidades baianas; total chega a 351]
Coronavírus

Transporte é suspenso mais quatro cidades baianas; total chega a 351

03 de Julho de 2020

Decisão foi publicada em decreto no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (3)

Galeria

[Barragem se rompe e inunda ruas da cidade de Coronel João Sá]

Barragem se rompe e inunda ruas da cidade de Coronel João Sá

11 de Julho de 2019

Ver todas as galerias

Vídeos

[Prefeito de Itabuna afirma que reabertura do comércio vai acontecer “morra quem morrer”]

Prefeito de Itabuna afirma que reabertura do comércio vai acontecer “morra quem morrer”

03 de Julho de 2020

Ver todos os vídeos