Política

Rui Costa não acredita que Neto queira atrapalhar as obras da Nova Rodoviária

03 de Dezembro de 2019 às 18h41 - Por: Redação PNotícias Foto: Jonne Roriz/VEJA
[Rui Costa não acredita que Neto queira atrapalhar as obras da Nova Rodoviária]

Governador assinou o contrato para construção da nova Estação Rodoviária de Salvador, no bairro de Águas Claras.

O Governador Rui Costa (PT) acredita que a prefeitura de Salvador não tem interesse em impedir o andamento das obras da nova rodoviária da cidade.

"Acredito que a prefeitura tá buscando um legítimo direito de participar do valor que o estado tá pagando. Eu não sou juiz, não tenho domínio nem sou advogado pra dar parecer sobre isso, mas nossa parte nós fizemos. Vamos iniciar logo", afirmou, em entrevista à imprensa nesta terça-feira (3).

Segundo o BNotícias, Rui assinou o contrato para construção da nova Estação Rodoviária de Salvador, no bairro de Águas Claras. O evento aconteceu no Salão de Atos da Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). Estavam presentes o secretário estadual de Infraestrutura da Bahia, Marcus Cavalcanti (Seinfra), e dos representantes do Consórcio Terminal Rodoviário de Salvador.

"Não se trata de obras com cunho eleitoral. Saí de uma eleição em Salvador onde ganhei nas 20 zonais, tive mais de 70% dos votos na cidade", justificou, sobre a construção da rodoviária.

O governo do estado depositou nesta terça R$ 60 milhões em uma conta judicial para indenização aos proprietários

Disputa pelo terreno

O governo do estado ingressou na Justiça, no último dia 20 de novembro, com um pedido para desapropriar o terreno, cuja parte, cerca de 35%, pertence, alegadamente, ao município. Obteve, em 22 de novembro, uma decisão chamada no jargão jurídico de imissão provisória, que, na prática, permite a transferência da posse do bem para o governo baiano.

O município pode recorrer da decisão, expedida pelo juiz Ruy Eduardo Almeida Britto, da 6ª Vara da Fazenda Pública de Salvador. Em nota, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) afirmou que a determinação não é provisória porque se trata de “antecipação de posse irreversível”.

A prefeitura alega, no entanto, que o Estado não pode fazer desapropriação de bens municipais e, para virar proprietária da terra, precisaria de um projeto de lei aprovado na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA). “Essa lei não existe”, pontua o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Sérgio Guanabara, para quem a administração do governador Rui Costa recorreu às vias judiciais para evitar um debate legislativo sobre a questão.

Além da prefeitura, figuram como donas do terreno as empresas Condor Construtora do Salvador LTDA, Patrimonial M. de Aguiar S/C Ltda e Billow Investimentos, que também são rés na ação movida pelo governo estadual. As duas primeiras teriam 40% do espaço, caucionados para o Município como forma de garantia da execução do empreendimento.
 

Comentários

Outras Notícias

[Bolsonaro é alvo de denúncias à ONU por ataques contra mulheres jornalistas]
Política

Bolsonaro é alvo de denúncias à ONU por ataques contra mulheres jornalistas

07 de Julho de 2020

Serão denunciadas um total de 54 ofensivas do presidente contra as profissionais

[Major Vitor Hugo é cotado para o MEC]
Política

Major Vitor Hugo é cotado para o MEC

07 de Julho de 2020

Presidente começou a sondar o major para assumir o cargo

[Resultado de exame de Covid-19 de Bolsonaro sai nesta terça-feira (7)]
Política

Resultado de exame de Covid-19 de Bolsonaro sai nesta terça-feira (7)

07 de Julho de 2020

Informação foi divulgada pela Secretaria de Comunicação Social

[Bolsonaro disse que vai vetar PL das Fake News, garante Silas Malafaia]
Política

Bolsonaro disse que vai vetar PL das Fake News, garante Silas Malafaia

07 de Julho de 2020

Pastor afirma que o presidente não aprovará o projeto

[Após fala sobre moradores em situação de rua, Doria defende esposa: “O vídeo foi editado”]
Política

Após fala sobre moradores em situação de rua, Doria defende esposa: “O vídeo foi editado”

06 de Julho de 2020

Após repercussão negativa, primeira-dama de São Paulo pediu desculpas

[Geraldo Júnior concorda com Neto sobre reabertura do comércio: “Temerário hoje nós estabelecermos lockdown na cidade”]
Política

Geraldo Júnior concorda com Neto sobre reabertura do comércio: “Temerário hoje nós estabelecermos lockdown na cidade”

06 de Julho de 2020

Presidente da Câmara Municipal de Salvador (CMS) concedeu entrevista ao programa PNotícias, da Piatã FM, nesta segunda-feira

Galeria

[Barragem se rompe e inunda ruas da cidade de Coronel João Sá]

Barragem se rompe e inunda ruas da cidade de Coronel João Sá

11 de Julho de 2019

Ver todas as galerias

Vídeos

[Prefeito de Itabuna afirma que reabertura do comércio vai acontecer “morra quem morrer”]

Prefeito de Itabuna afirma que reabertura do comércio vai acontecer “morra quem morrer”

03 de Julho de 2020

Ver todos os vídeos