Justiça

Presidente concede indulto a deputado federal Daniel Silveira

22 de Abril de 2022 às 08h02 - Por: Agência Brasil Foto: Plínio Xavier // Câmara dos Deputados
[Presidente concede indulto a deputado federal Daniel Silveira]

Parlamentar foi condenado pelo STF a oito anos de prisão

O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quinta-feira (21) decreto que dá indulto ao deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ), condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STJ) a oito anos e nove meses de prisão pelos crimes de tentativa de impedir o livre exercício dos Poderes e coação no curso do processo. O anúncio do indulto foi feito por Bolsonaro por meio de live nas redes sociais. O decreto foi publicado logo após a transmissão, em edição extra do Diário Oficial da União.

Ao ler o documento, o presidente cita considerações como “a prerrogativa presidencial para concessão de indulto individual é medida fundamental à manutenção do Estado democrático de direito” e que “a liberdade de expressão é pilar essencial da sociedade em todas as suas manifestações”.

“Fica concedida graça constitucional a Daniel Lúcio da Silveira, deputado federal condenado pelo Supremo Tribunal Federal em 20 de abril de 2022 no âmbito da Ação Penal nº 1.044 a pena de oito anos e nove meses de reclusão em regime inicial fechado”, destacou Bolsonaro, durante a leitura do texto.

“A graça de que trata este decreto é incondicionada e será concedida independentemente do trânsito em julgado da sentença penal condenatória”. Segundo o presidente, o indulto inclui as penas privativas de liberdade, multa e restritivas de direitos.

Pouco depois, em sua live semanal, Bolsonaro citou que o assunto está pacificado. "É um direito do presidente da República conceder a graça e toda a fundamentação dessa graça está julgada em jurisprudências do próprio senhor ministro Alexandre de Moraes. Portanto, repito: o decreto é constitucional e será cumprido." 

Entenda

O STF julgou a ação penal aberta em abril do ano passado contra Daniel Silveira, que virou réu e passou a responder a processo criminal pela acusação de incitar à invasão da Corte e sugerir agressões físicas aos ministros do Supremo. Os fatos ocorreram em 2020 e 2021, por meio das redes sociais. O deputado chegou a ser preso, mas foi solto posteriormente.

Com a decisão de ontem (20), Silveira também foi apenado com a perda do mandato e a suspensão dos direitos políticos após o fim dos recursos, o que que poderia tornar o parlamentar inelegível temporariamente. A Corte estipulou ainda multa de cerca de R$ 200 mil como parte da condenação.

Siga o PNotícias no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Comentários

Outras Notícias

[STF decreta sigilo no caso MEC]
Justiça

STF decreta sigilo no caso MEC

30 de Junho de 2022

Inquérito sobre corrupção e suposta interferência de Bolsonaro na investigação vai correr em segredo

[TSE fixa IPCA para limitar gastos de campanha em 2022]
Justiça

TSE fixa IPCA para limitar gastos de campanha em 2022

30 de Junho de 2022

Congresso não aprovou a tempo lei fixando critérios de cálculo

[Procurador que espancou colega será julgado por tentativa de feminicídio em São Paulo]
Justiça

Procurador que espancou colega será julgado por tentativa de feminicídio em São Paulo

29 de Junho de 2022

Denúncia foi aceita nesta terça-feira pela Justiça de São Paulo

[PRF anula sigilo de 100 anos em histórico de policiais envolvidos na morte de Genivaldo]
Justiça

PRF anula sigilo de 100 anos em histórico de policiais envolvidos na morte de Genivaldo

29 de Junho de 2022

Entre cinco agentes envolvidos no crime, somente Kleber Freitas possui processos administrativos disciplinares em seu histórico

[Conselho de enfermagem visita hospital que teria vazado informações de Klara Castanho e pede cautela]
Justiça

Conselho de enfermagem visita hospital que teria vazado informações de Klara Castanho e pede cautela

28 de Junho de 2022

Klara diz que foi abordada pela enfermeira ainda dopada no pós-parto

[MP-BA se posiciona contra prorrogação do contrato das lanchas que realizam travessia Salvador-Mar Grande]
Justiça

MP-BA se posiciona contra prorrogação do contrato das lanchas que realizam travessia Salvador-Mar Grande

28 de Junho de 2022

Recomendação foi enviada ao diretor-executivo da Agerba, agência do governo que administra o serviço em questão

Galeria

[Prefeitura inicia 4ª etapa de requalificação do entorno do Farol de Itapuã]

Prefeitura inicia 4ª etapa de requalificação do entorno do Farol de Itapuã

24 de Março de 2022

Ver todas as galerias

Vídeos

[Vídeo: clientes são surpreendidos por suspeito armado em restaurante na Pituba]

Vídeo: clientes são surpreendidos por suspeito armado em restaurante na Pituba

11 de Abril de 2022

Ver todos os vídeos