Justiça

Toffoli suspende investigações sobre senador José Serra

30 de Julho de 2020 às 10h06 - Por: Agência Brasil Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom | Agência Brasil
[Toffoli suspende investigações sobre senador José Serra]

Ações ficam suspensas até ministro Gilmar Mendes analisar o processo

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, suspendeu hoje (29) duas investigações abertas pela Justiça de São Paulo contra o senador José Serra (PSDB-SP) para apurar supostas doações ilegais de campanha. A decisão atende ao pedido da defesa, que defende que o caso seja transferido para o STF. 

Com a decisão, as investigações abertas pela Justiça Eleitoral e pela Justiça Federal ficaram suspensas até o relator do caso, ministro Gilmar Mendes, analisar o processo.  Por causa do recesso de julho na Corte, coube a Toffoli, que decide sobre as questões do Supremo, julgar a liminar. 

Serra foi alvo de duas buscas e apreensões neste mês em função das duas investigações. Após as operações, o senador disse em nota que suas contas de campanha sempre foram aprovadas pela Justiça Eleitoral e que“ jamais recebeu vantagens indevidas ao longo dos seus 40 anos de vida pública e sempre pautou sua carreira política na lisura e austeridade em relação aos gastos públicos”.

Denúncia
A decisão ocorre horas depois de a Justiça Federal em São Paulo acolher denúncia do Ministério Público Federal e transformar Serra em réu por lavagem transnacional de dinheiro.

Segundo a denúncia da força tarefa da Operação Lava Jato do MPF em São Paulo, Serra recebeu vários pagamentos da empreiteira Odebrecht em contas no exterior no total de R$ 4,5 milhões em 2006 e 2007. O MPF informou que “supostamente” o dinheiro seria usado para pagamento de despesas das campanhas eleitorais do então governador.

No início do mês, quando o MPF apresentou a denúncia, José Serra disse, por meio de nota, que os fatos que motivaram a denúncia são “antigos e prescritos”. No comunicado, Serra destacou que não cometeu atos ilegais e que sempre teve “integridade” na sua vida pública. O senador diz que “mantém sua confiança na Justiça brasileira, esperando que os fatos sejam esclarecidos; e as arbitrariedades cometidas, devidamente apuradas”.

Comentários

Outras Notícias

[Jurista protocola pedido de impeachment de Augusto Aras]
Justiça

Jurista protocola pedido de impeachment de Augusto Aras

04 de Agosto de 2020

Modesto Carvalhosa solicitou que Senado “julgue os crimes de responsabilidade do PGR”

[Procuradoria Geral da República recorre contra prisão domiciliar de Queiroz]
Justiça

Procuradoria Geral da República recorre contra prisão domiciliar de Queiroz

03 de Agosto de 2020

Ex-assessor de Flávio Bolsonaro deixou presídio no dia 9 de julho

[Moraes aumenta multa do Facebook por não bloquear perfis fora do país]
Justiça

Moraes aumenta multa do Facebook por não bloquear perfis fora do país

01 de Agosto de 2020

Multa subiu para R$ 100 mil por perfil

[Justiça determina que lojistas não devem pagar aluguel ao Shopping Center Lapa]
Justiça

Justiça determina que lojistas não devem pagar aluguel ao Shopping Center Lapa

30 de Julho de 2020

Presidente do Sindilojas relatou “certo alívio”, mas ressaltou preocupação com “movimento fraco”

[Conselheiro federal da OAB propõe cotas raciais na instituição e presidente da seccional baiana apoia: “Política importante”]
Justiça

Conselheiro federal da OAB propõe cotas raciais na instituição e presidente da seccional baiana apoia: “Política importante”

30 de Julho de 2020

Projeto sugere que 30% das vagas sejam reservadas para pretos e pardos

[Juízes federais acham “exagerada” proposta de Toffoli de prazo de oito anos para quarentena política]
Justiça

Juízes federais acham “exagerada” proposta de Toffoli de prazo de oito anos para quarentena política

30 de Julho de 2020

Atualmente, é preciso esperar seis meses para que juízes disputem eleições

Galeria

[Barragem se rompe e inunda ruas da cidade de Coronel João Sá]

Barragem se rompe e inunda ruas da cidade de Coronel João Sá

11 de Julho de 2019

Ver todas as galerias

Vídeos

[Prefeito de Itabuna afirma que reabertura do comércio vai acontecer “morra quem morrer”]

Prefeito de Itabuna afirma que reabertura do comércio vai acontecer “morra quem morrer”

03 de Julho de 2020

Ver todos os vídeos